Indignação (parte 2)

De acordo com a Federação Portuguesa de Atletismo o Futebol Clube do Porto não podia contratar esta atleta...

 

Mas esta já podia...

 

 

PS: Os meus queridos leitores julgaram encontrar aqui um erro crasso porquanto a atleta referenciada como podendo ser contratada pela secção de atletismo do Futebol Clube do Porto pratica triatlo. Ora, esta modalidade, como é óbvio, encontra-se sob a égide da Federação Portuguesa de Triatlo, não tendo qualquer relação com a Federação Portuguesa de Atletismo.

No entanto, esta comparação foi propositada para comprovar como a medida da FPA é perfeitamente irracional: até é possível proceder à contratação de uma atleta de triatlo desde que esta tenha nacionalidade portuguesa!

publicado por CRG às 10:42 | link do post | comentar