Balada de um louco

Os debates políticos realizados diariamente nos canais noticiosos entraram em modo repeat; os mesmos argumentos, como fotocópias de fotocópias de fotocópias, perderam relevância e clareza, ficando apenas legível um ponto: "não há alternativa".

 

Estranho mundo este que ao mesmo tempo que se admite que a austeridade não funciona afirma-se com total candura "sim, mas não há alternativa": um autêntico catch-22.

 

Ora, numa realidade absurda, desprovida de sentido, a razão deixa de ter lugar, resta o refúgio na loucura.  

publicado por CRG às 13:40 | link do post | comentar