Círculos

Um estudo do Instituto Max Planck confirmou o que os filmes de terror já sabiam: na falta de pontos de referência ou quando estão de olhos vendados os humanos tendem a caminhar em círculos.

 

A actual crise, um verdadeiro filme de terror, demonstra igualmente este facto com perfeita clareza. A certa altura deixou de existir um desígnio - a sua própria menção tornou-se alvo de chacota de espíritos mais cínicos.

 

Na sua ausência, na falta de um claro ponto de referência iniciou-se uma caminhada circular, medidas avulsas, desconexas, sem uma visão sistemática, que as sucessivas alterações legislativas são disso prova.

 

É altura de abrir os olhos.

publicado por CRG às 13:30 | link do post | comentar